Previsão para o jogo Atlético Mineiro x Grêmio 11/05/24
13 18:56, 7 maio 2024 19:36, 7 maio 2024 Tipsta

Previsão para o jogo Atlético Mineiro x Grêmio 11/05/24

Será que o Galo manterá sua invencibilidade em casa?

O aguardado confronto no futebol brasileiro entre Atlético Mineiro e Grêmio se configura como um embate de titãs na Série A. O jogo está marcado para o dia 11 de maio, na imponente Arena MRV de Minas Gerais, Belo Horizonte. Ambas as equipes, com históricos ricos e duelos recentes memoráveis, buscarão dominar o campo e somar pontos cruciais nesta fase inicial da temporada.

O Galo é uma das poucas equipes invictas do campeonato, no entanto, não lideram a competição e têm mais empates (contra Corinthians, Criciúma e Fluminense) do que vitórias (duas goleadas por 3-0 contra Cruzeiro e Cuiabá). A alternância de resultados e os problemas para finalizar os jogos têm sido obstáculos para que o clube esteja no topo da tabela, embora, com 9 pontos, apenas um os separe da liderança.

Eles chegam após um empate por 2 a 2 contra o Fluminense, onde tiveram que remar contra a maré, pois começaram perdendo. O Flu abriu o placar cedo no jogo, graças a um gol de Germán Cano aos 4 minutos. A alegria se duplicou para o time carioca quando Renato Augusto ampliou a vantagem no minuto 61. No entanto, a determinação do Atlético Mineiro não demorou a aparecer, e Eduardo Vargas se tornou a figura do jogo ao marcar um gol duplo, entrando como substituto, nos minutos 73 e 79, selando assim o empate.

Do outro lado, a realidade do Grêmio neste início de temporada tem sido marcada pela instabilidade. Eles acumulam tantas vitórias quanto derrotas. Conseguiram três pontos contra Cuiabá (1-0) e Paranaense (2-0), além de serem derrotados pelo Vasco da Gama (2-1) e Bahia (1-0). Eles têm um jogo a menos devido à suspensão do jogo contra o Criciúma devido às inundações em Porto Alegre que afetaram seu estádio.

Portanto, seu último compromisso disputado no Brasileirão foi na derrota para o Bahia, onde alinharam com um esquema 4-3-3. Apesar de seus esforços e de terem oportunidades claras frente ao gol, não conseguiram concretizar, o que se refletiu nas estatísticas com apenas 2 chutes no gol. A frustração do Grêmio atingiu seu ápice nos últimos minutos da partida, quando Diego Costa e Nathan Fernandes receberam cartões vermelhos no tempo adicionado. O único gol da partida foi marcado por Everaldo Stum, no minuto 17.

Também dá uma olhadinha nos outros jogos da semana:

Fulham x Manchester City 11/05/24

Flamengo x Corinthians 11/05/24

⚔️ Histórico de Confrontos

Em termos de confrontos históricos, eles se enfrentaram 47 vezes, com o Grêmio sendo o leve dominador.

  • 62 gols a favor e 18 vitórias para o Atlético Mineiro (todas as vitórias no Brasileirão).
  • 9 empates (1 na Copa do Brasil e 8 no Brasileirão).
  • 71 gols para o Grêmio e 20 vitórias para o Grêmio de Porto Alegre (19 no Brasileirão e 1 na Copa do Brasil).

Em seus 10 últimos confrontos na liga, o Grêmio teve um grande domínio com 6 vitórias, 1 empate e 3 derrotas.

🦶 Possíveis Escalações

Atlético Mineiro: Everson, R. Saravia, R. Battaglia, Jemerson, G. Arana, Gustavo Carpa, Otavio, A. Franco, F. Zaracho, Hulk e Eduardo Vargas.

Grêmio: Rafael, J. Pedro, R. Ely, W. Kannemann, Fábio, Dodi, D. Queiroz, M. Villasanti, Edenilson, Y. Soteldo e Joao Pedro.

📋 Análise das Estatísticas (apenas Brasileirão)

Atlético Mineiro:

Visão Geral: O Galo começou a temporada 2024 do Brasileirão com ambições elevadas e uma equipe forte. Mantendo a base do elenco de 2023, o clube fez algumas mudanças notáveis, incluindo a substituição do técnico Luiz Felipe Scolari pelo argentino Gabriel Milito. Com Milito no comando, a equipe teve um bom início, acumulando duas vitórias e três empates em seus primeiros cinco jogos. Eles são um dos quatro times invictos no início da liga, embora apenas eles e o Bragantino tenham acumulado 5 jogos jogados.

Ofensiva Poderosa: A chegada de Gabriel Milito parece ter injetado uma nova filosofia de jogo que explora melhor as características de seus jogadores ofensivos. A equipe mostrou uma ofensiva sólida com uma média de 1,8 gols por jogo (9 no total) e uma alta taxa de posse de bola de 60%. Em termos de eficácia na finalização, ainda há espaço para melhorias, já que perdem 1,4 chances claras por jogo e realizam 4,6 chutes para fora. Quanto à construção de jogo, eles mostram uma excelente capacidade de manter a posse de bola e construir desde trás, com 87,2% de passes completos por jogo. A precisão é ainda maior em seu próprio campo (91,3%).

Poucos Gols Sofridos: Com apenas 3 gols sofridos, eles demonstraram uma defesa robusta. Além disso, conseguiram manter sua meta invicta em 3 ocasiões e uma média de 0,6 gols sofridos. Tendem a ser ativos na recuperação da posse de bola e bem posicionados para cortar os avanços, como reflete na quantidade de entradas por jogo (21) e interceptações (10,6). Além disso, até o momento, não cometeram erros que resultassem em gol, recuperam 47,4 bolas por jogo e realizam 14 desarmes. Em termos de duelos, a equipe tem uma porcentagem vencedora em duelos por jogo (55,2%), duelos no chão (54,2%) e duelos aéreos (57,9%), sendo competitiva nas batalhas individuais em todo o campo.

Gremio:

Visão Geral: Depois de um impressionante segundo lugar em seu retorno à Série A, o Grêmio começou a temporada 2024 com a esperança de competir pelo título, no entanto, tiveram um início hesitante com 2 vitórias e 2 derrotas. Sob o comando de Renato Portaluppi, o Grêmio joga um futebol ofensivo com variações táticas e liberdade para os jogadores no ataque. No mercado de transferências, tiveram reforços de grande renome como Diego Costa e Cristian Pavón.

Ataque Moderado: Embora tenham marcado apenas 4 gols, ainda é muito cedo para fazer conclusões. Eles têm uma média de 1 gol por jogo e completaram quatro contra-ataques. Geram 0,8 chances claras por jogo, das quais falham 0,3, além disso, só chutam ao gol 8,3 vezes em média. Eles não se caracterizam por controlar o jogo com posse de bola, com apenas 49,5% e 404 passes.

Defesa Sólida: Permitem menos de um gol por jogo (0,8) e mantiveram o gol em branco em metade dos jogos disputados na liga: 2. A equipe realiza 14,3 entradas e 9,8 interceptações por jogo, mostrando um foco proativo na recuperação da bola. Também realizam 18 desarmes e o goleiro Rafael faz uma média de 1,8 defesas. Além disso, recuperam 47,5 bolas e não cometeram pênaltis. São números sólidos para o início de temporada, no entanto, cometeram 2 erros que resultaram em chutes ao gol, então precisam melhorar na concentração e na tomada de decisões sob pressão.

🔥 A última vez que o Grêmio venceu no estádio do Atlético Mineiro foi em 2019.

🔥 Atlético Mineiro está há 11 jogos sem perder em todas as competições.

🔥 Ambas são duas das defesas menos vazadas do campeonato.

Possíveis Apostas de Acordo com as Estatísticas

Vencedor da Partida: Atlético. O Galo tem uma média de gols por jogo mais alta (1,8) em comparação com a média do Grêmio (1). Além disso, uma defesa mais sólida, sofrendo apenas 0,6 gols por jogo em comparação com os 0,8 gols sofridos por jogo de seu adversário.

Número de cartões amarelos Mais de 3,5: O Grêmio recebe uma média de 2,5 cartões amarelos por jogo e o Atlético Mineiro recebe 3 cartões amarelos por jogo, é provável que haja um nível significativo de agressividade e jogo físico na partida. Ambas as equipes parecem incorrer em uma quantidade considerável de faltas que resultam em cartões amarelos.

Número de gols Mais de 1,5: Considerando que o Grêmio tem uma média de 1 gol por jogo e o Atlético Mineiro tem uma média de 1,8 gols por jogo, é provável que não vejamos muitos gols na partida.

Posse de Bola: Considerando que o Atlético Mineiro tem uma média de posse de bola de 60% e o Grêmio tem uma média de 49,5%, uma aposta interessante seria que o Atlético mantenha mais de 55% de posse de bola durante a partida.